Conheça a Indústria 4.0

By 6 de março de 2018Blog

Você já parou para pensar como a Revolução Industrial transformou o mundo? Esta é um divisor de águas na história e quase todos os aspectos de nossa vida cotidiana foram influenciados de alguma forma por esse processo.

Conhecida como a Quarta Revolução Industrial, a Indústria 4.0 já está transformando as formas de produção em todo o mundo, implementando tecnologias que proporcionam efetividade nas operações, redução de custos, redução no tempo de produção, o que é fundamental para a competitividade da indústria. De acordo com estudo realizado pela Confederação Nacional da Indústria, CNI, apenas 58% das indústrias brasileiras conhecem a importância do uso de tecnologias. Ao mesmo tempo, menos da metade dessas indústrias as utiliza. O mercado brasileiro enfrenta desafios quanto a modernização industrial e entender o que é o fenômeno da Indústria 4.0 torna-se fundamental para reverter esse cenário.

A Quarta Revolução Industrial não é algo do futuro distante e, na verdade, já está acontecendo. Acompanhar ou não as mudanças que estão acontecendo e as que estão por vir será decisivo para o futuro da sua indústria.

As revoluções que já transformaram o mundo

A primeira revolução se iniciou durante o século XVIII a partir do desenvolvimento de máquinas a vapor. A produção, antes artesanal e familiar, passou a ser industrial, impulsionando o crescimento dos centros urbanos. Já no século XX, com a segunda revolução, tem-se aumento do ritmo refletiu diretamente na divisão do trabalho, onde buscando reduzir o tempo de fabricação e aumentar a escala, Ford introduziu o modelo de linha de montagem. O marco da terceira revolução industrial ocorreu nos anos 70, a partir do emprego de dispositivos eletrônicos e tecnologia da informação na automação da indústria.

E o que podemos aprender com essas eventos? Nenhuma delas se restringiu a uma transformação apenas na indústria. Os impactos na sociedade foram consideráveis: crescimento dos centro urbanos, tecnologias cada vez mais presentes em nosso cotidiano (smartphones, smart TV, internet), instituições de ensino que se moldaram no modelo industrial, e muito mais. As mudanças acontecem cada vez mais rápido, e sem dúvida não vão parar por aqui. Então, o que vem pela frente?

Entendendo a Indústria 4.0

O termo “Indústria 4.0” surgiu pela primeira vez em 2011, na Hannover Messe, considerada a principal feira do mundo relacionada à tecnologia industrial. A partir disso, foi elaborado um estudo sobre recomendações para a implementação desse novo modelo de indústria. O governo da Alemanha então apoiou políticas que visavam a liderança tecnológica do país frente à concorrência da China. Entre as principais tecnologias desenvolvidas estão Inteligência Artificial, Big Data, Computação em Nuvem, Internet das Coisas, além de outras.

O conceito de Indústria 4.0 está atrelado ao uso de inovações tecnológicas e da digitalização em larga escala na produção industrial. Assim, o setor industrial é beneficiado de diversas formas, com o aumento da eficiência e produtividade, redução de custos e otimização de processos. O mercado também mudará sua forma de desenvolver produtos e em seus modelos de negócios. 

Os 4 princípios da Indústria 4.0

Quatro princípios baseiam a Indústria 4.0:

  • A interoperabilidade refere-se às conexões, ao potencial de comunicação entre máquinas, sensores, equipamentos e pessoas. Tudo está conectado. O uso de tecnologias permite troca de informação rápida e um curto tempo de resposta para as variações de processos.
  • A transparência informacional é a capacidade dos sistemas criarem uma cópia do mundo físico, por meio da implantação de sensores digitais em equipamentos. A análise de dados contribui para esse sistema.
  • O terceiro princípio é a assistência técnica, que traduz o apoio dos sistemas aos seres humanos ao contribuir e facilitar o acesso de informações para a tomada de decisão e resolução de problemas.
  • Por último, decisões descentralizadas, que está relacionada com a capacidade dos sistemas tomarem decisões por conta própria e executar atividades de forma autônoma, que muitas vezes são difíceis ou perigosas demais aos humanos. Só em casos excepcionais ou quando houver conflitos de objetivos é que tarefas ou decisões devem ser submetidas a um nível superior.

A Quarta Revolução já faz parte de nossas vidas, trabalhos, meios de produção, ou seja, faz parte do nosso mundo. Movimenta não só a indústria, mas a cada dia gera mudanças nas diversas esferas da sociedade. Entender esse fenômeno é fundamental para conhecer o futuro da sua indústria.

Quer conhecer um pouco mais sobre a Indústria 4.0 e saber como ela pode transformar sua empresa? Entre em contato!

Vamos Conversar?

Fale conosco